facebook vkontakte e signs star-full

Rehidrat 90 - Bula

Principio activo: Eletrólitos

Composição

Apresentação

Pó - envelope com 13,95 g.

Uso pediátrico ou adulto.

Uso oral.

Composição

Cada grama de Rehidrat 90 sabor natural contém:

Cloreto de potássio

53,76 mg/g

Citrato de sódio diidratado

103,94 mg/g

Cloreto de sódio

125,45 mg/g

Glicose

716,84 mg/g

Composição hidroeletrolítica- Cada 1000 mL da solução de Rehidrat 90 contém:

Potássio

20,0 mEq/L

Citrato

30,0 mEq/L

Sódio

90,0 mEq/L

Cloreto

80,0 mEq/L

Glicose

111,0 mMol/L

Para que serve

Rehidrat 90 está indicado para reposição das perdas acumuladas de água e eletrólitos (reidratação), ou para manutenção da hidratação (após a fase de reidratação), em quadros de doença diarreica aguda. 

Contraindicação

Rehidrat 90 é contra indicado em íleo paralítico, em obstrução ou perfuração intestinal e nos vômitos incoercíveis.

Como usar

Dissolver o conteúdo do envelope de 13,95g em 500 mL de água e do envelope de 27,9g em 1000 mL de água, se possível, previamente filtrada e/ou fervida e esfriada. Após o preparo, manter a solução em recipiente tampado, em local fresco, preferencialmente em refrigerador. Esta solução pode ser usada por 24 horas. Após este período, inutilizar o restante da solução e, se necessário, preparar nova solução.

Posologia do Rehidrat 90

Rehidrat 90 deve ser oferecido com grande frequência ao paciente, permitindo que o volume e a velocidade de ingestão sejam determinadas por sua aceitação. Como regra geral, recomenda-se de 100 a 150 mL/kg de peso corporal, a serem administrados em período de 4 a 6 horas; é possível, entretanto, grande variação entre pacientes. Mesmo que no início haja vômitos, insista em administrar a solução, em quantidades menores pois, assim que o paciente começa a reidratar-se, os vômitos costumam desaparecer. Se nas primeiras duas horas de tratamento os vômitos continuarem impedindo que o doente tome a solução, procure imediatamente o médico.

Venda sem receituário médico. Siga corretamente o modo de usar. Ao persistirem os sintomas, o médico deverá ser consultado.

Use água limpa, se possível previamente fervida e/ou filtrada, colher e vasilhame também limpos. Depois de preparar a solução mantenha o vasilhame tampado e em lugar fresco. A ação esperada deste medicamento é reidratar o doente ou seja, devolver ao organismo a água e os sais que se perderam com a diarreia e os vômitos. Esta solução também pode ser usada depois da reidratação, para manter a recuperação de água e sais.

Precauções

Soluções orais contendo potássio devem ser usadas com cautela se a função renal estiver diminuída. Havendo diurese adequada nas primeiras horas de reidratação, dificilmente ocorrerá superdosagem, pois os rins excretam excesso de eletrólitos. A situação em que existe maior risco de superdosagem é o preparo incorreto, com menos água do que o recomendado. Nesse caso podem ocorrer, como consequências mais graves de superdosagem, hipernatremia e/ou hiperpotassemia.

Reações Adversas

Não se observam reações adversas, com a posologia recomendada. 

Deve-se seguir com atenção as instruções de preparo contidas na embalagem de Rehidrat 90, usando as quantidades recomendadas de água e, sempre que possível, água previamente fervida. Após abertura do frasco, ou preparo da solução, o que não for consumido em 24 horas deve ser desprezado. A administração aguda de sais de sódio, em quantidades acima da capacidade renal de excreção, produz aumento da osmolaridade, principalmente extracelular. Não há toxicidade crônica com o uso de Rehidrat 90.

Superdosagem

Quadro Clínico

Hipernatremia e hiperpotassemia leves são geralmente assintomáticas. Hipernatremia severa pode manifestarse por febre elevada, sede, oligúria acentuada, quadro neurológico com alteração de consciência, de letargia ao coma, irritabilidade, hiper-reflexia, rigidez de nuca e convulsões; hiperpotassemia severa pode causar fraqueza e paralisia musculares, arritmias cardíacas, falência circulatória e parada cardíaca.

Tratamento

Ocorrendo superdosagem, o tratamento dependerá da gravidade do quadro. Após dosagem dos eletrólitos, os níveis normais devem ser corrigidos com reposição hidroeletrolítica balanceada, com auxílio de solução diluída de glicose. Na insuficiência renal, os eletrólitos são facilmente dialisáveis.

Cuidados de Armazenamento

Este medicamento deve ser guardado em lugar protegido da luz solar direta, do calor e da umidade. Depois de aberto (ou depois de preparado), o produto só deve ser usado durante 24 horas. Passado esse prazo, o que restar da solução deve ser eliminado e, se necessário, deve ser preparada nova solução. 

Não use qualquer medicamento após o vencimento do prazo de validade.

Prazo de validade

Desde que observados os devidos cuidados de conservação, o prazo de validade do produto é de 24 meses, contados a partir da data de fabricação impressa em sua embalagem externa. Não usar se o prazo de validade estiver vencido. Siga corretamente as indicações do seu médico. Não desaparecendo os sintomas ou no caso de aparecimento de reações diferentes ou desagradáveis, consulte seu médico.

Todo medicamento deve ser mantido fora do alcance das crianças.

Não tome remédio sem o conhecimento do seu médico. Pode ser perigoso para a sua saúde.

População Especial

Gravidez e amamentação

Se estiver amamentando a criança, continue oferecendo o seio para mamar, nos intervalos da solução. Informe seu médico a ocorrência de uma gravidez durante o tratamento.

Crianças

Durante o tratamento de desidratação em crianças não é necessário interromper a alimentação. Se a criança estiver em período de aleitamento, lave bem as mãos e os seios antes de amamentar. Lave bem as mãos e os utensílios antes de preparar a comida; toda louça onde a criança come deve ser limpa. Mantenha os alimentos protegidos do calor e cobertos para evitar moscas e pó. Em dias de calor, vista a criança com roupas leves e ofereça líquidos à vontade. O leite materno é o melhor alimento para crianças pequenas e ajuda a evitar a diarreia e a desidratação.

Dizeres Legais

Reg. MS - 1.0043.0690

Farm. Resp.: Dra. Sônia Albano Badaró CRF-SP 19.258

Registrado por: Eurofarma Laboratórios S.A. Av. Ver. José Diniz, 3.465 São Paulo - SP CNPJ: 61.190.096/0001-92 Indústria Brasileira

Comercializado por: Supera Rx Medicamentos LTDA. Rua Guará S/N, Quadra 04/05/06 Galpão 08 Aparecida de Goiânia - GO

Preço

A partir de R$6.75

Remedios relacionados

Este sitio utiliza cookies. Continuar usando recurso, acepta los terminos y políticas de tratamiento de datos personales.