facebook vkontakte e signs star-full

Ginkgo Biloba - Bula

Para que serve

Ginkgo Biloba é indicado para distúrbios das funções do Sistema Nervoso Central (SNC):

Vertigens e zumbidos (tinidos) resultantes de distúrbios circulatórios, distúrbios circulatórios periféricos (claudicação intermitente) e insuficiência vascular cerebral (MILLS & BONES, 2000; 20051,2).

Referências bibliográficas

1. MILLS, S; BONES, K. Principles and practice of phytotherapy – modern herbal medicine, 2000. 2. MILLS, S; BONES, K. The essencial guide to herbal safety, 2005.

Fonte: Bula do Profissional do Medicamento Tanakan.

Contraindicação

Ginkgo Biloba (substância ativa) é contraindicado para menores de 12 anos.

Pacientes com coagulopatias ou em uso de anticoagulantes e antiplaquetários devem ser cuidadosamente monitorados. O uso do medicamento deve ser suspenso pelo menos três dias antes de procedimentos cirúrgicos (GARCIA, 199817; MILLS & BONES, 200518).

Pacientes com histórico de hipersensibilidade e alergia a substância ativa não devem fazer uso do produto.

Referências bibliográficas

17. GARCIA, AA. et al. Fitoterapia. Vademecum de Prescripción. Plantas Medicinales. 3ª ed. Barcelona; 1998. 18. MILLS, S; BONES, K. Principles and practice of phytotherapy – modern herbal medicine, 2000.

Fonte: Bula do Profissional do Medicamento Tanakan.

Como usar

Ginkgo Biloba 80 mg

Ingerir 1 comprimido, contendo 80 mg 2 a 3 vezes ao dia, ou a critério médico.

Ginkgo Biloba 120 mg

Ingerir 1 comprimido, contendo 120 mg 2 vezes ao dia, ou a critério médico. (A dose diária deve estar entre 26,4 e 64,8 mg de ginkgoflavonoides e 6 e 16,8 mg de terpenolactonas) (HOFFMAN, 200324; EBADI, 200625).

A dose diária recomendada fica a critério médico, após avaliação clínica do paciente. Os comprimidos devem ser ingeridos inteiros, sem mastigar, com quantidade suficiente de água para que sejam deglutidas.

Caso haja esquecimento da ingestão de uma dose deste medicamento, retome a posologia prescrita sem a necessidade de suplementação.

Utilizar apenas a via oral. O uso deste medicamento por outra via, que não a oral, pode causar a perda do efeito esperado ou mesmo promover danos ao seu usuário.

Este medicamento não deve ser partido, aberto ou mastigado.

Referências bibliográficas

24. HOFFMAN, D. Medical Herbalism – The science and practice of herbal medicine. 2003. 25. EBADI, M. Pharmacodynamic basis of Herbal Medicine. 2a ed. CRC Press. 2006. 699p. 46.

Fonte: Bula do Profissional do Medicamento Tanakan.

Precauções

De acordo com a categoria de risco de fármacos destinados às mulheres grávidas, este medicamento apresenta categoria de risco C.

Este medicamento não deve ser utilizado por mulheres grávidas e em amamentação sem orientação médica ou do cirurgião-dentista.

Fonte: Bula do Profissional do Medicamento Tanakan.

Reações Adversas

Podem ocorrer distúrbios gastrointestinais, cefaleia e reações alérgicas cutâneas (hiperemia, edema e prurido) (GARCIA, 199826). Também foram relatados enjoos, palpitações, hemorragias e hipotensão (BLUMENTHAL, 198727). Casos de hemorragia subaracnóide , hematoma subdural, hemorragia intracerebral, hematoma subfrênico, hemorragia vítrea e sangramento pós operatório foram relatados em pacientes que faziam uso de Ginkgo Biloba (substância ativa) isoladamente (MICROMEDEX, 200728; HAUSER et al. 200229; BENJAMIN et al., 200130; FESSENDEN et al., 200131; VALE, 199832; ROWIN & LEWIS, 177633).

Em casos de eventos adversos, notifique ao Sistema de Notificações em Vigilância Sanitária - NOTIVISA, disponível em www.anvisa.gov.br/hotsite/notivisa/index.htm, ou para a Vigilância Sanitária Estadual ou Municipal.

Referencias bibliográficas

26. GARCIA, AA. et al. Fitoterapia. Vademecum de Prescripción. Plantas Medicinales. 3ª ed. Barcelona; 1998. 27. BLUMENTHAL M, BUSSE WR, GOLDBERG A, et al. (eds.). The complete German Commission E Monographs – Therapeutic guide to herbal medicines. Austin, TX: American Botanical Council; Boston: Integrative Medicine Communication; 1987. 28. MICROMEDEX® versão 2.0. Disponível em: http://www.micromedexsolutions.com. Acesso em 18/08/20014. 29. HAUSER, D; GAYOWSKI, T; SINGH, N. Bleeding complications precipitated by unrecognized Ginkgo biloba use after liver transplantation. Transpl Int. 2002; 15(7): 377-9. 30. BENJAMIN, J; MUIR, T; BRIGGS K et al. A case of cerebral haemorrhage can Ginkgo biloba be implicated? Postgrad Med J 2001; 77(904):112-3. 31. FESSENDEN, JM; WITTENBORN, W; CLARKE, L. Ginkgo biloba: A case report of herbal medicine and bleeding postoperatively from a laparoscopic cholescystectomy. Am Surg. 2001; 67(1): 33-5. 32. VALE, S. Subarachnoid haemorrhage associated with Ginkgo biloba. Lancet. 1998; 352(9121):36. 33. ROWIN, J; LEWIS, SL. Spontaneous bilateral subdural hematomas associated with chronic Ginkgo biloba ingestion (letter). Neurology. 1996; 46(6):1775-6.

Fonte: Bula do Profissional do Medicamento Tanakan.

Preço

A partir de R$73.24
Este sitio utiliza cookies. Continuar usando recurso, acepta los terminos y políticas de tratamiento de datos personales.